Buscar
  • toazul

Por que é tão difícil controlar o dinheiro?

Controlar o dinheiro e manter uma boa organização financeira costuma ser uma tarefa difícil para muitas pessoas, especialmente quando é preciso poupar. Algumas podem recorrer a crédito para realizar seus objetivos, mas sem disciplina e um bom acompanhamento das contas, os problemas para economizar podem persistir.


No caso dos consumidores brasileiros, 67% deles não conseguiram guardar algum dinheiro, em agosto de 2019. A taxa é de 54% nas classes A e B e sobe para 71% nas classes C, D e E. Esses dados são de um levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). Com isso, fica a questão: por que é tão difícil ter controle das finanças e fazer sobrar algum valor no final do mês?


Para responder a essa pergunta, separamos, adiante, algumas possíveis razões disso acontecer e dicas para lidar com elas. Acompanhe!


Por que é difícil ter uma boa organização financeira?


Não existe apenas um motivo para o fato de muitas pessoas não conseguirem guardar dinheiro. Muitas vezes, a explicação reside em vários deles acontecendo ao mesmo tempo. A seguir, separamos alguns dos principais. Confira!


Ausência de planejamento financeiro


A falta de um planejamento financeiro pode levar a pessoa a gastar mais do que o necessário, dificultando qualquer economia ao final do mês. Para evitar isso, é importante planejar o pagamento de contas e a compra de produtos e serviços, dando prioridade aos mais urgentes e necessários.

Nesse caso, estabeleça um orçamento (até mesmo para a família) e delimite datas para pagar suas contas, evitando juros e multas que podem levar uma quantia considerável ao longo do tempo.


Não ter controle das economias


A ausência de um controle das economias pode fazer com que se perca a noção do quanto se tem realmente de dinheiro e do que já foi gasto, levando a um descontrole das finanças e ao uso de crédito mais caro.

Pequenas compras não registradas, contas pagas e esquecidas, juros não marcados, etc. podem fazer com que o dinheiro acabe antes do previsto e você fique sem saber ao certo o que houve. Para resolver isso, anote seus gastos e fique de olho neles, mesmo os menores.


Uso indiscriminado de crédito mais caro


O uso indiscriminado de crédito pessoal com juros elevados, como o cheque especial e o cartão de crédito, pode levar grande parte da renda, especialmente quando se atrasa o pagamento. Por isso, dê preferência a um empréstimo pessoal mais barato, como o crédito consignado.


O que fazer para manter o controle das suas economias?


Além das dicas já dadas nos tópicos anteriores, existem outras que podem ser úteis para organizar as contas e controlar melhor o seu dinheiro. Para começar, invista em educação financeira, pois isso proporcionará conhecimentos a você que poderão ser usados ao longo do tempo, ajudando-o a se prevenir de novos problemas econômicos.

Se você se encontra em dificuldades financeiras, com dívidas ou contas elevadas que geram juros altos, a dica é recorrer a uma opção de empréstimo pessoal mais vantajosa e com menos juros para equilibrar as contas. Por exemplo, o já mencionado empréstimo consignado.

Dessa forma, você “trocará” uma ou mais opções mais caras por uma mais barata e poderá economizar no pagamento dos juros ao longo do tempo. Isso pode ajudar você a poupar algum valor em paralelo.


Quais os cuidados para evitar perder novamente o controle do dinheiro?


Mesmo que você consiga se organizar financeiramente com um empréstimo pessoal com juros mais em conta ou com alguma das demais dicas, existe o risco de voltar a perder o controle financeiro e não mais conseguir guardar dinheiro. Para evitar esse cenário, é importante ter disciplina no acompanhamento das economias.


Aliás, é necessário ter atenção a isso mesmo se começar a ganhar mais, pois há o risco de subir seu padrão de vida sem ter o devido planejamento financeiro. Consequentemente, ao elevar suas contas, você poderá ter novamente dificuldade de manter seus gastos de acordo com o orçamento se não tiver consolidado o hábito de controlar o dinheiro.


Está em busca de uma opção de crédito consciente para equilibrar as contas e passar a juntar dinheiro? Conheça as soluções financeiras da toazul!

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo